terça-feira, junho 16, 2009

P'ó menino e p'á menina


Eu adorei o facto de ela não ter tido problema nenhum em dizer-me que ele era o namorado, porque isto aqui é sempre tudo a fingir e com muita vergonha pelo meio! She rocks!

Pode ser por estar longe e tal, mas creio que Portugal está diferente. Das duas vezes que fui ai sobretudo há dois anos, senti muitas diferenças. Vê lá que até o meu pai agora usa cor de rosa!
Mas compreendo o que dizes... Há coisas que nunca mudam. Pelo menos enquanto o mesmo pessoal estiver no poleiro e não se arranjar gente que mude as coisas.
Eu acho é que tu e eu devíamos ficar aií tornarmo-nos primeiro-ministros e partir a loiça toda! Que te parece?
Mas se este plano não resultar - o que é difícil, porque sejamos burros, criminosos a contas com a justiça, gente sem ideias ou incompetentes podemos sempre lá chegar! - pegamos nas nossas Louis Vuitton de cartão e vamos para New York! Acredita que não me importava nada!
Quando chegar aí vamos pensar nas coisas, ok? E até já sabes onde é que vamos estar a pensar nas coisas e tudo, certo?


Ao que sei, ele não tem mesmo os olhos assim. Mas pouca diferença faz... Aquele homem é um energúmeno. Eu não costumo ofender as pessoas só porque sim. Mas há pessoas que me tiram do sério... Este tipo é um deles. E o Santana Lopes. E o Jardim.

É verdade, jantei cedo porque a menina Shauna me forçou. Eu não costumo jantar antes das sete. Bem à Lusitânia. Aliás, os bifes aqui não costumam entender este meu hábito. Eu, por outro lado, não costumo entender jantares às cinco da tarde, ainda com os passarinhos a cantar!

Tu não te desgraces, homem! A minha barriga nasceu na Suécia porque eu chegava a casa e comia caixas de gelado de chocolate com pepitas - que saudades - enquanto nevava lá fora, refastelado em frente à televisão enquanto dava a Ricky Lake (se não sabes o que é, deixa-te ficar assim que é melhor)! Chegou a ser o meu jantar umas quantas vezes.
Mas quando eu me passear por terras helvéticas, vamos aos chocolates e aos gelados, certo?

Sabes, eu atento sempre ao que a Maria Manuela me diz. No need to worry!

1 comentário:

Maria Manuela disse...

certo!!!

De véspera passo por lá e peço para dobrarem a produção de suspiros!!!