sábado, junho 27, 2009

Japonesices

Cá está um aviso no autocarro para se dar o lugar e para se ajudar quem precisa. Com desesinhos, que é para ser interiorizado...


Há o boneco para a velhota na cadeira de rodas... E eu a pensar que autocarros de piso rebaixado e passeios adaptados iam facilitar muito mais a vida da velhora...


O tipo que partiu a perna porque certamente apanhou uma cadela do caraças há duas noites atrás... E a menina do liceu, de saia por demais curta, dá-lhe o lugar.


E temos a menina dos seus vinte e tal anos com um dos seus três filhos ao colo, certamente a caminho de um encontro com outras amigas chatas e mal vestidas como ela.


O que é curioso é que muito raramente - ainda menos que em Portugal - vejo alguém ajudar alguém ou dar o lugar a alguém.
Ainda não sei porquê, tendo em conta que estou na Ásia, sítio de respeito pelos anciãos, e mais propriamente no Japão, país das pessoas bem educadas...

E a Shauna pressiou-me para eu tirar uma fotografia a esta senhora de meia idade com um verdadeiro ninho de ratos na cabeça! A mulher devia estar louca.


Cá fica a Shauna claramente a pressionar-me. Com os seus ombros à mostra, a galdéria. Sim, que no Japão mostrar-se a cuequinha não faz nenhum... Mas ombros é que não!


Junto ao Compal Hall - sim, leram bem - um dos muitos edifícios com muitas salas para concertos, desporto e uso público que polvilham as cidades japonesas.


Nesta rua linda...


E agora para algo completamente diferente, o meu jantar, comprado na Hotto Motto.
Sara udon
, uns noodles secos aos quais se mistura aquele preparado que se vê no topo da foto. Uma espécie de molho com vegetais, lula e camarão (sempre só um, que a crise chega a todos).


Adoro sara udon e já marcharam duas vezes em menos de uma semana!


4 comentários:

pinguim disse...

Fiquei com os olhos no "sara udon"...ficaram em bico...
Abraço.

A... disse...

Pois, esta semana fui ao Hospital de Santa Maria e dei o meu lugar a uma senhora de idade, bem sei que as horas de espera são muitas. Mas não me importei.
Sempre quis provar udon!
Abraço

A... disse...

PS: A saia não é demasiado curta! São todas assim, se bem que o design e as cores que depende das escolas!

Cor do Sol disse...

Quando andava de autocarro dava sempre o lugar, a minha viagem também não ultrapasava os 10 minutos :P