segunda-feira, junho 29, 2009

A língua japonesa é muito traiçoeira

Há um jogo tradicional no Japão chamado kendama. "Tomates", no sentido de testículos, diz-se kintama.
Estava a dar uma aula ao sexto ano e havia uma imagem com um kendama. Os miúdos, claro, riam-se e uns quantos continuavam na risota e a dizer kintama. Eu disse pronto, já chega.

A seguir digo I can play kindama (eu sei jogar kindama). Ai o que nos rimos com esta!

E cada vez que olhava para a imagem só me dava vontade de rir. E a eles também!

5 comentários:

V. disse...

Vendo bem, o instrumento até parece um bocado fálico, lol!

/me perv >_>

Pulha Garcia disse...

ahahahahah

Quanto mais um gajo quer ser sério...

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Ou como diria a Zé, o menino anda muito desbocado...

Maldonado disse...

Todas as línguas são traiçoeiras, desde que as dominemos com fluência... :))

Maria Manuela disse...

Haja alegria !

:)