sexta-feira, junho 26, 2009

Deitar cedo...

...no Japão quer dizer que estava a dormir tão profundamente às onze e um quarto, ontem à noite, que nem senti o tremor de terra que agitou a cidade. Orfeu havia-me levado ainda antes das dez...

O que me deixa feliz, porque assim pude dormir a noite toda, sem preocupações.

Mas já tenho pensado... Se há um grande e se fôr preciso pôr-me em fuga, como é que vai ser? É que tenho dormido nú desde que os calores começaram...

5 comentários:

A... disse...

Calores? Ui ui

Ricardo disse...

Boas Ângelo… Tenho lido o teu blog de há uns meses para cá (até tá no google reader e tudo e tudo). Lê-se bem e ajuda-me a entender o que é a vida de um ocidental no Japão… Bem mas o que pela primeira vez me levou a comentar é a estória de dormir nú… Muitas vezes penso nas maiores desgraças e que seria complicado fugir todo nuzinho mas ao mesmo tempo tento perceber como é que alguém consegue dormir vestido com um calor destes…

João disse...

Não estás quase de volta?
Então não te preocupes. :)
entretanto acho que se houver um grande acordas de ceteza.
Abc

pinguim disse...

Foges nu, que remédio...
És diferente dos demais? Penso que não...então ninguém estranha nada.
Abraço.

V. disse...

Não há muita coisa que me dá pavor... mas não gosto, detesto tremores de terra.
Em pequena sempre dormi de cueca e t-shirt, e a razão sempre foi caso a terra tremece. Histórias dos vizinhos e parentes do 'grandalhão' que destruiu a cidade... saber que há uma falha de todo o tamanho perto, enfim...
Há uns anitos para cá, comecei a sucumbir ao prazer que é dormir pelada, lol... mais por obrigação (as casas com carpete são quentes pá!) Só para o ano passado a terra tremer por estes lados, e lá se foi a despreocupação. No entanto, já faz calorzito aqui (qq coisa acima dos 20 é calor aqui), e a casa está um forno... no entanto tenho uma toalha ou um robe sempre à mão para o caso de alguma catástrofe.