quinta-feira, setembro 17, 2009

Um dia, duas margens

Este título é muito pipi, não é? E já o vão perceber.

Na quarta, a minha Mari passou aqui, pegou em mim e lá fomos os dois, estrada a fora, a caminho da Margem Sul, esse micro-mundo.
Fomos a casa da Telma - com uma famosa casa de banho - estava lá a Xanoxa e fomos os quatro para a Costa da Caparica!

Devo dizer que aquilo está muito giro. Ainda há umas coisinhas para terminar, mas aquele passeio junto às praias está belíssimo! E aqueles bares todos à beira-mar estão muito bem pensados!



Fomos lá tomar o pequeno almoço. O segundo para mim, que quando lá chegámos, já estava com fominha.

A minha Xanoxa emborcou um Ucal. Coisa boa. Tal como a minha Xanoxa. Que, qual deusa, é omnipresente, ora está lá, ora está cá.


A minha Teté, muito séria. Que estava a pensar.


A Mari a comer um pastelito de nata. À tia.


Nós os dois a comer um pastel de natal. Ela chiquíssima. Eu com'ó povo!


O dia estava belo. E eu a pensar na praia... Mas a verdade é que, por estarmos ali sentadinhos, eu e a Xanoxa estavamos com um pouco de frio...




A Costa, com muita pena minha, teve que ficar para trás. Mas avizinhava-se mais companhia da boa!
A Mari deixou-me em Linda-a-velha onde eu fui ter com as meninas da secretaria onde trabalhei antes de ir para terras japonesas! Que bom poder vê-las! E estão com óptimo aspecto!



E que saudades matei do belo do crepe do QB. Das melhores surpresas que há, só vos digo!








Ainda as ajudei a fazer umas coisinhas, que elas andam a dar em doidas! E soube-me muito bem! Como nos bons velhos tempos!

Um belo dia, sim senhor. E o papá foi lá buscar o menino e tudo. Sou um mimado!

2 comentários:

Maria Manuela disse...

Tu és mas é um kiko doce.

:)

Soninha disse...

Quando voltas à qne?Espero bem que seja depressa.Ih,ih,ih,ih.....
Beijoca.Sónia.