terça-feira, setembro 01, 2009

O Regresso - Mais uma Chinatown para a colecção

Neste dia chovia. A bom chover. Paciência, que ainda tinha coisas para ver. Naquele que seria o meu último dia completo na louca New York!.

Fui de metro para Midtown.


Ver o Flatiron. Um dos arranha céus mais antigos de New York. Construído em 1902, era a Aida pequena.


Um edíficio muito sui generis. E de onde se podia ver o Empire State todo coberto de nuvens.



E prédios muito mais à frente.





Depressa tirei umas fotos e fui até à American Apparel fazer umas comprinhas mínimas, incluíndo uns suspensórios... Eu sou assim, um fashion victim. Que hei-de fazer?!

Dali segui para a Chinatown. Apesar da chuva louca, tinha encontro com a Carleen. Outra menina dos tempos do Japão e que mora em Brooklyn.



Enquanto esperávamos um pelo outro em Starbucks diferentes, tirei umas fotos por ali. E esperei.
Mas lá demos um com o outro. E fomos comer. Chinês, claro.


Que bom vê-la! Bem disposta como sempre. E belíssima. Como sempre, também!



Cá estou eu armado em new yorker, com o meu Starbucks na mão!


Já na Little Italy, ali mesmo ao lado. E a falar com a Danielle ao telemóvel.


Não nos conseguimos encontrar, porque ela havia acabado de chegar a New Jersey para estudar e andava às compras nesse sítio mágico que é o Ikea.

Fica para a próxima, não há crise.
A Carleen e eu ultrapassamos a falta dela indo comer iogurte com coisas.


O meu tinha pepitas de chocolate. De leite. E negro.



Estamos uma beca laranjas nesta foto, mas, mesmo assim, belos. Aliás, não somos de outra forma!


Andámos Manhattan abaixo a falar de tudo. Do Japão, do futuro, de religião...
Mas depois lá nos metemos na carreira...


E fomos dar à Wall Street.


O que foi bom, porque desta vez a bolsa tinha a bandeira americana e não um anúncio ranhoso qualquer...



Acabámos no South Street Port a ver uma cena de basket qualquer...


E a dançar, que havia música e tudo.




E não éramos só nós a bailar!


Dissemos sayonara um ao outro e voltei para casa onde fiz a mala... Com uns 26 quilos, vim mais tarde a saber.

O Daniel andava atarefadíssimo que ia mudar de casa. Mas ainda arranjou tempo para uma foto com a sua Tutu de estimação.


Estava assim concluída a minha passagem por New York, uma cidade que há muito anseava por visitar! E que bela cidade.
Aqueles museus deixaram-me extasiado e quero muito ir a sítios a Lisboa - que também os há bons, é preciso dizer!

No dia seguinte, sábado, ía, mais uma vez, mudar de continente.

5 comentários:

Maldonado disse...

Uau, Chinatown! O Oriente está-te mesmo no sangue... ;)

Pulha Garcia disse...

De Chinatown em NY guardo a recordação do símbolo da McDonalds estar em Chinês ...

NYC que cidade.

Hannah disse...

É impossivel não ficar apaixonado por NY...

A Tutu é tão fofinhaaa :)

Jokinhas migo

Ana Maria disse...

Qual NY? Palavra mágica , IKEA.
Sou dependente. A familia está a pensar internar-me num centro de recuperação.
A sério , anda lá para as europas.

Anónimo disse...

porra mas tu nao te cansas de viajar ou é sempre na boa vida?