terça-feira, março 31, 2009

O mistério dos pés azuis


Amigos, amigas e demais leitores,

Muita gente se tem indagado sobre o que traria a cobrir-me os pés de Cinderelo no dia do tal discurso que me emocionou e emocionou a Makaki. A resposta é muito simples: meias. Nem mais, nem menos, meias. Azuis, Paul Smith, que eu sou assim, um simples que gosta de estar bem.

Meias!? perguntarão os vossos cérebros pensantes, por entre equações de química quântica, preocupações sobre o Ártico e imagens da primeira edição da Playboy portuguesa.
Eu respondo com um humilde sim, meias. É que não se sobe ao palco do ginásio das escolas de sapatos calçados. Nem tão pouco se anda pelos corredores da escola com os sapatos da rua. Há sapatos ou chinelitos próprios para isso. Afinal, este não só é o país das maravilhas, mas é sobretudo o país das cerimónias. E dos protocolos bacocos.

Satisfeita a curiosidade, bebés?

Se repararam, porém, o director da escola tem chinelos calçados, só porque são exclusivamente para isso e eu não me apercebera. Seja como for, prefiriria continuar descalço, que chinelos castanhos com a minha indumentária azul não iam estar com nada. E, como disse, sou só um simples que gosta de estar bem!

Aproveito, também, para agradecer os elogios ao meu japonês. Acho que me safei mais ou menos, mas podia ter sido melhor.
Mas como é que conseguiste, ó grande trogolodita!?, indagam os vossos cérebros, ao tentarem dizer poliglota e não trogolodita. Mas como esta pergunta só surgiu por entre os meândros dos vossos cérebros depois da bendita imagem da Playboy, já foi bom conseguirem pensar de todo!

O processo foi simples: eu escrevi o meu texto em inglês. A Hiromi veio ao meu palacete. Por acaso, o Taka já cá estava. Os dois juntos, que não são parvos nenhuns, traduziram a coisa. A custo, por vezes, não por causa de não saberem as palavras em inglês, mas pelo problema da semântica da coisa. Sim, que eu fiz, de acordo com o director, um discurso profundo. Ou seja, não resumi a coisa a um mero foram óptimos, mas vamos continuar a tentar fazer melhor.
Eles traduziram e eu escrevi tudo em letras romanas para a coisa me saír mais fluentemente.

Assim estão desvendados dois mistérios:
Primeiro, jamais me verão a usar crocs;
Segundo, consigo ler.

7 comentários:

Daniel Silva disse...

Já ando para te perguntar isto ha uns tempos (que nada tem a ver com os posts) mas tem a ver com o blogue.

Intitulaste-o: "Ângelo no País das Maravilhas". Agora que estás a um quase-instante de regressares à Pátria Mãe (isto devia ser um pleonasmo, vai chamar-se o quê? manténs, ou fica tipo "Ângelono País dos Horrores"? ;) - por contraposição a Maravilhas?

Tu "livrate-me". Pelo que fui lendo mesmo nem sempre comentando destes anos de férias ;) olha que Portugal apesar do nosso nacional complexo de inferioridade, não é exactamente um país terceiro mundista... e faz ver a muitos, digo-te já.

Outra baixa na Qne: Pedro Brasão.
A Doninha tenta segurar-me.

Hugs

Maldonado disse...

E cai o pano... :))
Tanto quanto sei, não é só no Japão que se anda de chinelos ou de meias na escola, também na Finlândia e creio que em todos os países escandinavos.
Folgo em saber que brilhaste na cerimónia de despedida e que tudo correu bem. ;)

Sónia disse...

EHEHEHEH! a imagem das patas azuis está 5 estrelas!
Oh meu amigo!!! n fiques ofendido c as crocs :) mas essas meias "Paul Smith" são mto felpudas, sao tipo turcas??? eheheheh! estavas o maximo e adorei a cor das meias. tb tenho umas assim p a troca.
devias ter levado as q eu e a ines te demos ;) isso é q era!
bjs

Hannah disse...

"jamais me verão a usar crocs;"

Por esta migo, vais ficar para todo o sempre no meu coração ;)

Jokinhasssssss

Pulha Garcia disse...

Por acaso eu trabalho sempre descalço, só com meias...mesmo quando estou de fato. Sempre pensei que era o meu lado Tom Sawyer mas se calhar a causa é mais Oriental ...

Hydrargirum disse...

Este post esta um mimo!!!
Paul Smith e de facto um agrafo (a staple! Acho a expressao gira!) na tua estratosfera!!!:)

E PT tem uma edicao da Playboy? Ah vou ja encomendar...preciso de forrar umas gavetas!!!!:))))

Antonio Rebordao disse...

Parabéns!