domingo, março 15, 2009

Sayonara, Tokyo.

E quarta feira havia chegado. E até havia dormido decentemente! Mas estava no meu último dia em Tokyo...

E havia encontro marcado com a meninas lusas! E enquanto esperava dei com uma, de entre várias, menina da escola...


Repararam bem em como ela estava bela. E sozinha numa das principais estações de comboio de Tokyo!?

E cá fica mais um pequeno apontamento...



Ando muito apontamenteiro, não ando?

Eu já tinha almoçado, mas as meninas estavam com fome... E ao bom jeito japonês, foi um ver se te avias para o tipo do restaurante nos deixar sentar num sofá que, sendo para uma pessoa, tinha mais do que espaço suficiente para duas!

Mas isso não interessa nada! O que interessa mesmo é ver os presentes que estas duas malucas desecantaram:



Isso mesmo, massajadores faciais!

E depois por ali andámos...




E eu fui cortar o cabelo. Num estilo de sítio fantástico que eles têm aqui: 10 minutos, 1000 ienes. O que eu adoro, porque detesto desperdiçar demasiado tempo a cortar o cabelo! Mas a verdade é que a coisa levou mais do que 10 minutos, à pala deles terem sempre medo de cortar o cabelo curto como eu gosto!


E depois maravilhei-me com um chocolate quente da Godiva. Não vos digo nem vos conto!!!


E estava chegada a hora de dizer sayonara.


Com muita pena minha, que elas são umas kikas e só espero ter sido tão bom para elas como foi para mim! Mas Portugal está quase a chegar e já há loucura garantida!

E dali meti-me no comboio - expresso, mas a parar onde queria. E fui para o aeroporto. E fui à casa de banho... E enquanto ali estava, de cú sentado na sanita, cai-me o telemóvel para fora da privada... É que, nestes momentos de inspiração, dá-me sempre vontade de mandar mails à Shauna. Eu, pensador ágil e rápido, meti a mão por debaixo da porta e salvei o dito cujo. Mas só pensava só espero que ninguém tenha visto. Mentira, que havia uma pequena fila de espera...

Paciência!

Depois dei com um professor com quem trabalho à espera do mesmo avião que eu. Com mais turbulência. Que nem foi assim tanta... Eu acho é que estou a ficar com a paranóia!
Mas lá aterrámos e lá vim para casa. Para a minha caminha mais linda!

Mas pergunto-me quando voltarei a esse sítio fantástico que é Tokyo!?

2 comentários:

Maldonado disse...

Os massajadores faciais, vulgo vibradores, daí são tão estranhos... :))

Daniel Silva disse...

Não comento o cabelo, as fotos ou os auto-souvenirs libidinosos. Diria que este video onde as amigas e tu vao aparecendo, está simplesmente fabulástico.

Pareces um jornalista com a handycam do operador de câmara que te segue, e tu vais comentando, apesar de bisares o "basicamente é isto..." ;)

Está soberbo o video e repara que nao estás a mostrar o interior das reliquias de um qualquer Taj Mahal :) São os pormenores e o quotidiano que fazem as delicias...