sexta-feira, abril 18, 2008

Mas hoje e sexta-feira 13!?


Se nao e, parece, com toda a certeza!

Acordo com dor de cabeca, uma coisa rara. Depois de tomar o pequeno almoco, o meu estomago resolve dar sinal. Vou chegar atrasado ao trabalho, que os comprimidos para a cabeca levam tempo.
Meto-me na bicicleta, saco com as cenas do trabalho no cesto da frente, saco com a sopinha, a sande e o iogurte atras. Chego ali a frente e cheira-me a sopa. O caldo esta entornado. Literalmente.
Pego no saco, cheio de sopa, a escorrer pela bina abaixo. A sande esta salva. O iogurte tambem. Limpo-os com o meu lenco Paul Smith, que eu sou assim, um simples. Maos a cheirar a sopa. Lenco as riscas girissimo a cheirar a sopa. Ja esta para lavar. O que vale e que esta vento e vai secar num instante.
Sopa, nem ve-la. Deito o saco fora que ja nao ha nada a fazer. Nao da para lavar.
Por acaso, tenho tempo, sai cedo de casa.
Paro numa loja de conveniencia. Compro agua e um sumo. Peco dois sacos, que preciso de um para meter aquilo que pode ser salvo e outro para a caixa da sopa que se abrira no cesto de tras. Toda suja, que nem o Paul Smith lhe vale.
Vou ate a estacao, parqueio a bina. Pego no que foi salvo e deixo la a caixa suja.

Regresso a tarde e a caixa, mesmo suja e dentro de um saco, nao esta la! Quem a fanou!?

3 comentários:

vermelhinha disse...

Eu diria que não há nada, como coisas estranhas, logo pela manhã, para animar a vidita do dia-a-dia! :)

leonorsousa disse...

HAHAHA! desculpa a risota, mas fizeste-me lembrar alguém que dá mergulhos no asfalto logo pela manhã... cof.

João Carvalho disse...

Um roubo no Japão!!!!!!! Até que enfim que acontece algo de violento por essas bandas!

Da Costa De Carvalho dixit