segunda-feira, abril 20, 2009

Respostas

Como nao tenho tido muito tempo para responder aos muitos emails que me esperam, aqui ficam umas respostas para toda esta gente maravilhosa que me visita:

Eu sei que te devo um email, mas tende paciencia, por favor.
De resto, e como ja deves ter percebido, adoro o Alentejo. E mesmo tendo ja estado em tudo quanto e continente, ainda nem conheco metade de Portugal! E esse e um erro a corrigir!

Celia,
Eu sei que muitas coisas boas me esperam, mas tambem tenho a nocao de que nem tudo serao rosas... Mas ate isso me fascina, que aqui mal tenho desafios e minha frente. E toda a gente sabe como isso pode ser entediante e estupidificante.

Shauna,
You need to quickly learn Portuguese if you want to live happily ever after by my side. Because, believe me, I ain't learning the lingua! My poor head can't handle it.

Nao te preocupes, que estou preparado para me desligar! Nao quero com isto dizer que vai ser facil e que vou consigar deixar isto assim sem mais nem menos. Muito pelo contrario. Alias, estou perfeitamente ciente de que ainda irei chorar bastante!
E, nao desfazendo nos outros, o ultimo comentario que me deixaste e lindo. E um grande obrigado por isso! E eu mal posso esperar por te abracar e te estrafegar todinha!
Um mundo louco, sem sombra de duvida. Mas sempre foi assim e ha coisas que nao mudam. O que e preciso mudar, muitas vezes, e a forma de como lidar com essa loucura. Por isso, viva o Obama. So far...

Prima,
Claro que me lembro desse plano para o restaurante. Mas eu pensei que fosse com omoletes... E, embora goste de omoletes, nao e bem a mesma coisa...
E obrigado por me teres ligado! Fiquei super contente. E espero que ja tenhas ultrapassado o jet-lag! Eu sei o que custa!

A verdade e que o SimCity e o unico jogo que tenho. E o unico que jogo, de quando em vez, para me abstrair da vida agitada que tenho. Not!
E este jogo que tenho e ainda mais fino porque o comprei em San Francisco. Tu sabes, eu sou um simples. Just that.

A,
E o pior e que eu so gosto de comer okonomiyaki no meu sitio do costume... Nao sei como vai ser...
Eu nao diria que eles vivam para os bonecos - embora os haja em tudo quanto e canto! - mas vivem para o trabalho, para as cerimonias, para a cervejinha...
E espero que, quando eu voltar, me possas dizer, cara a cara, okaerinasai! (As coisas que tu sabes, pa!)

Ines,
Eu tenho a coisa controlada. E, se fores la ao Facebook, ves os comentarios de muita a gente a perguntar-se porque que estou ja a empacotar coisas... Mas eu nao sou normal. Muito menos em Portugal, onde toda a gente deixa tudo para a ultima da hora!
Eu mesmo hei-de passar por la para ver as fotos de que me falas e ficar roidinho de inveja, com toda a certeza!
Obrigado pelas palavras de encorajamento!

Antes de mais, benvinda e obrigado por ires voltando! Isso deixa-me sempre muito feliz.
E ainda bem que ficaste esclarecida. Muita gente me fez a mesma pergunta, pelo que resolvi por os pontos nos is.
E vai dizendo coisas!

Acredita que so sai porque tinha todas as garantias de que nao haveria problema aqui. Afinal, trabalho para o governo japones e isso garante muita coisa. Mas, como ja disse antes, isto foi e continua a ser uma aventura sem igual na minha vida!
Confesso que, as vezes, me pergunto se estou a fazer o que devo. Sera certo regressar? Agora? Mas, la esta, acho que nunca temos a certeza absoluta em relacao a nenhuma decisao que tomemos, nao e? Por isso, butes la!
E muito obrigado pelo convite. Como tambem ja disse, quero muito conhecer o norte. Visitar o Porto como deve ser - neste momento, digo, nao gosto do Porto - fazer a linha do Douro, conhecer as Beiras e Tras-os-Montes.

Ainda ontem disse a minha mae que mal posso esperar por nao me ter que preocupar com a comida e passar a ferro! De resto, nao me importo de fazer as coisas!
E imagina o que e estar quase dois anos longe de tudo e todos. Sim, que ha quase dois anos que nao vou a Portugal, ha quase dois anos que nao estou na Europa, no seio daquilo que me tao familiar e de que tantas saudades sinto...

Sem duvida. Mas tambem sem exageros... Que anarquias ou colectivimo forcado nunca trouxeram felicidade a ninguem!

2 comentários:

Cor do Sol disse...

Eu sou mais Minho :)

A... disse...

As coisas que tu não sabes que eu sei! Seria com muito gosto dizer "okaerinasai" ao vivo! lol

ps: eu acredito em ti, eu sei que os "japões" são malucos...excesso de pussy pachacha lol

Oyasumi nasai! =)