quarta-feira, abril 08, 2009

Palhaços


Quando a Shauna me deu conta do terramoto em Itália até fiquei triste. Porque é sempre lamentável que haja pessoas a sofrer. Tenho seguido as notícias a toda a hora.
E não quero parecer egoísta, mas vivendo no Japão, estas notícias de terramotos dão sempre que pensar!
Mas o que dá ainda mais que pensar é como é que um palhaço como o Berlusconi pode estar na posição em que está! Como é que um primeiro ministro, face a uma situação hedionda como esta, pode insinuar que os desalojados têm tudo do que precisam e que isto tudo se assemelha a um passeio de campismo?!


Outro grande palhaço, a atirar para o mentecapto, é este homem. Este ou qualquer outro lá na Coreia do Norte que prefere deixar o seu povo morrer à fome e insistir num programa espacial/nuclear caríssimo e que só serve para continuar a chantagear o resto do mundo!
Eu espero sinceramente que o mundo não se deixe levar e que aperte com este gajos a valer. Mas mesmo apertadinhos para ver que birra farão desta vez.
Infelizmente, a Rússia e a China não permitirão que se castigue a Coreia do Norte como devia de ser!

2 comentários:

Anónimo disse...

Angelo, tens toda a razao!! No outro dia o Berlusconi num debate televisivo disse a uma jovem desempregada, que o questionava em relação ao desemprego que afecta milhares de jovens, para ela arranjar um marido rico que lhe resolvia logo o problema... e isto em directo! Palhaço? Estas a ser meiguinho...

Patricia Cristovao

Lobinho disse...

Imaginas um tipo daqueles a dizer nao apenas isso como a nao ter visitado sequer a população (ok, havia replicas, infelizmente no dia seguinte) mas quando da I Guerra Mundial a Rainha Isabel I - A rainha Mãe - foi ao meio dos destroços e por lá andou (embora vaiada por ir bem vestida, ao que respondeu: "se fossem a minha casa tambem nao levavam as melhores roupas"?

Ate me arrepio.

O Berlusconi é inadjectivavel so te digo...

E quanto ao sismo, eh pa... tudo o que sejam catástrofes, sísmicas ou de outra natureza, é inominável o nosso sentir...

requiem :(