quarta-feira, março 17, 2010

Fui ver a Miquelina

Ao SO do Hospital Amadora-Sintra.
Porque ela foi para lá encaminhada pela médica do lar. Para que se fizessem exames e tal.
Depois de umas 12 horas de espera - nem com cartas as coisas funcionam bem, só quando se chega ao livro amarelo é que o sistema parece funcionar! - teve que ficar para observação.

Fui lá vê-la hoje. E saí de lá algo triste, confesso. Porque diz-se muito cansada. E parece uma zombie de tão sem energia que está.
Dei-lhe de comer e comeu um terço da sopinha, ou assim. Não se queixava de dores, a não ser de umas dores provavelmente devidas do posicionamento...

Dei-lhe de comer, como disse. E muitos beijinhos. Coisa que ela tinha feito logo quando me viu chegar. Juntamente com as palavras o meu querido neto.

Saí de lá algo triste porque esta cena me faz lembrar o meu avô. E porque ver uma pessoa que se ama tanto neste estado, é sempre muito complicado.

Disse-me, por entre muitas tentativas falhadas de se fazer entender, que está do meio dia para as onze. E pede a Deus e a Nossa Senhora de Fátima que a ajude. Quase sem parar.

Quero acreditar que amanhã vai estar um bocadinho melhor. E depois também. E depois ainda mais. Mas ela diz que não sabe se conseguirá.
Só disse que sim, que ía ficar melhor, quando lhe disse que ela tinha mesmo que mo dizer.

Falhei o médico por instantes.

Saí de lá, já noite, com um cheiro bom das noites quentes. Mas saí de lá, também, com o cheiro dela. Da minha Leleta, como a chamava quando era pequeno. E o cheiro dela ainda aqui está.

12 comentários:

Célia Novais Rosado disse...

Espero sinceramente que a Miquelina se recomponha!
Beijinhos para ti que precisas de uma força gigante para voltares a acreditar e para ela para que vá melhorando, ainda que devagarinho.

La Sousa! disse...

Fiquei :'( espero que corra tudo bem. És um neto maravilhoso.

Miguel F. Carvalho disse...

Força aí!!!

Individual(mente) disse...

As melhoras para a tua avó!

Astrid disse...

Angelito, deu-me assim uma emoção enorme as tuas palavras ao descreveres a luta qua a Miquelina trava nesse momento. O facto é que os hospitais deprimem a qualquer pessoa i m e n s o! Eu tb. peço ao chefe do andar de cima por ela... Força! MUITOS BEIJINHOS - MUITOS, PARA VCS. TODOS.

e as flores, além das estrelas *****

vermelhinha disse...

Eu espero sinceramente que corra tudo o melhor possível! O sofrimento e a angústia dos "nossos", doi bem fundo. Força para os dois!
Beijinhos

Rita Maria disse...

Estamos contigo e também nós acreditamos.Um abraço.

Anónimo disse...

Amigo, um beijo grande e um abraço bem forte…para te encher de força, de pensamentos positivos e de energia!! As melhoras da vizinha Miquelina que ela fique bem!
Inês

Ana Maria disse...

Quero escrever aqui palavras de conforto para ti e desejar as melhoras á nossa (tu fazes o favor de emprestar um bocadinho dela)Miquelina. Mas se fosse escrever o que me apetece dizer isto era censurado porque só saem palavrões. Gaita
Beijos e abracinhos
Ana

V. disse...

;(
As melhoras para a tua avo, continua a dar-lhe miminhos e levar-lhe boa disposicao a cama.
Muitos beijinhos!

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Oh que giro... Leleta :)n Ela vai melhorar. A+penas tem de estar atento nomeadamente a eventuais desenvolvimenhtos para nao acontecer o mesmo e comer banana por dia ou tomar medicaçao ou... Nestas idades o organismo descompensa-se muito facilmente pelo que exames regulares e atençao medica saop sempre muito importantes.

hugs... foi um prazer falar ctgo hoje ;)

Sofia Feliz disse...

Um beijinho grande para ti. Muita força e uma beijoca de melhoras à vovó Miquelina ;)