sexta-feira, novembro 16, 2007

Ida ao medico

Ontem a noite deitei-me com uma ligeira dor na cardia. Toda a gente tem uma... Na verdade, a cardia e um esfincter que impede que os alimentos ingeridos saiam de volta para o esofago... Digamos que e uma tampa do estomago... Doia-me um pouco e so ali. Pensei que fosse coisa pouca e que fosse desaparecer.
Hoje de manha acordei acompanhado por essa mesma dor. Mas estava mansa. Fui trabalhar, mas o esforco de falar (ate eu dispendo algum esforco com isso) e de mandar calar os miudos (sim, eles tambem falam nas aulas no Japao!) agravou-me a coisa.
Chegada a hora do almoco, comi e fui ate ao hospital. Perguntei a Shauna se queria ir comigo (ela conhece os sitios todos...) e la fomos.
A abrir, o problema da comunicacao: primeira menina nao fala ingles. E eu disse-lhe que precisava de alguem que o fizesse; a senhora numero dois falava um ingles bom, com algumas falhas aqui e acola. So falhou quando apontou para uma folha em japones e me disse que eu tinha que preencher aquilo. E eu logo retorqui que nao sabia!!! Enfim... Ate me perguntaram onde trabalhava! Acham normal?!
Esperei, tirei a febre nos entretantos. Tinha exactamente 37C. A senhora disse-me "ah, esta um pouco alta"! Acham normal? Esta gente deve ter um sistema de refrigeracao muito bom para considerarem que 37C ja e preocupante... Alias, cheguei a ter um tete a tete com um medico por causa disso... Mas, adiante.
Fui medir a tensao (que, a proposito, esta sempre optima) e o enfermeiro nao falava uma palavra de ingles! Mas la nos safamos... E estava a fazer-me as mesmas perguntas que a segunda senhora ja me tinha feito!
Esperei. E a Shauna sempre comigo, que e uma querida e ela gosta destas adancas.
Depois aparaceu uma outra senhora, talvez enfermeira, com um ingles muito bom e que entendia tudo o que eu dizia. Estava feliz.
E depois foi o medico. A primeira pergunta foi sobre o meu pais de origem! Quando lhe disse que era de Portugal disse que eu, claro, falava portugues e depois perguntou-me se tambem falava espanhol... Porque ele fala espanhol e queria praticar! Estao a ver no que da estar num sitio onde nao ha estrangeiros e quando se ve uma dessas aves raras toda a gente quer logo praticar coisas!?
Enfim, o senhor era simpatico e divertido. Eu disse-lhe da minha maleita e ele disse-me que seria uma gastrite (PAI, estas a ver, nao es o unico!!!). Nada demais.
Ainda bem, pensei. Tambem lhe disse da minha acidez esofagica que me aparece demasiadas vezes!
Depois, e apesar do diagnostico, fui fazer uma ecografia. Aqui, se partes uma unha vais parar a sala de operacoes! Enfim... A senhora era uma kika e a Shauna tambem foi comigo la para a sala o que supreendeu os demais, porque eu ia mostrar a minha barriga e, quica, o meu baixo ventre (nao confundir com "pilinha"!). Por esta altura ja estavam a pensar que eu e a Shauna eramos namorados ou coisa parecida...
O meu baco esta um pouco inchado. Consegui ver o arroz que comera ao almoco dentro do meu estomago. Os meus rins sao bonitos. Mas o medico diz que tenho figado de foie gras, que nada mais e do que aquela coisa que se come feita de figado de pato ou ganso. Figado esse engordado propositadamente para o efeito.
Disse-me 3000 vezes que eu tinha de fazer desporto, sobretudo correr (sim, ok! EU!? - bem que lho disse!), e que ate podia ir correr com ele todos os dias depois do trabalho. E que eu comia demais (MENTIRA! Aqui ha que ver duas coisas: eu como aquilo que preciso para nao ter dores de cabeca e a verdade e que esta gente come DE MENOS! Juro palavra d'honra!). E que precisava de dieta. E eu logo lhe disse que nem pensar, que limitado ja estou eu no que toca as escolhas de coisas para comer!
Bem... Prometi-lhe que vou tentar correr, mas jamais os 7 quilometros que ele sugeriu...
E engracado foi o nosso regresso ao consultorio propriamente dito... O homem a falar de dieta e eu e Shauna entramos por ali adentro a comer chocolate... E so nos demos conta depois do acto... Somos uns marotos, e o que e!

Sai de la com uns comprimidos para acalmar a dor. 2 semanas. E com outros para a acidez. 1 mes de tratamento. Afinfa-lhe!

Paguei os olhos da cara e nao so. Quase 7000 ienes que me ia dando uma coisa, sobretudo porque precisava de ir as compras ca para casa e amanha vou a Fukuoka...

Uma aventura como sempre, mas e bem feito que ja devia ter tratado da minha acidez ha mais tempo.

Agora, correr, esta dificil. Dieta e impensavel. E o medico diz que basta eu fazer exercicio e isto desparece tudo (o cabrao do figado estava mesmo esbranquicado, da gordura).

4 comentários:

mari disse...

Kiko, acho realmente que devias voltar à tua dieta mediterrânica, de quando andávamos na Fac: galão e torradas entre as refeições e hamburger com arroz às ditas refeições, sem esquecer é claro a bela da mousse au chocolat. A ver se o baço, o fígado e os demais orgãos não iam voltar ao normal, até batiam palmas!!ehehehh
beijo e cuide-se!!
Mari

Alvaro Magalhaes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alvaro Magalhaes disse...

As melhoras, e acredita , andares uma hora por dia faz milagres, mas andar sem parar e ritmo alto, nao correr, eu perdi 17 kilos estes dois meses, e sim agora começo a ficar bem, um pouco tipo a tua fotoe o teu comment,yes i was THIN .

claro que deixei sumos , carnes vermelhas, (menos uma) molhos e essas cenas.

vanessa disse...

Lindo...então o sôr doutor é doutor p alguma razão n é? se tens de fazer dieta, fazes e mai nada, vê lá se queres q eu apanhe o cacilheiro e´vá aí lacrar-tea boca?? mau, mau...e já tou como a Mary, galãozinho e torradas é que era...
Beijos mil.