domingo, outubro 10, 2010

5 dias na minha simples vida

Entrei nos 32 com uma agenda absolutamente cheia!

Ainda no meu dia de anos, a Mari - esse mito urbano, tal é a raridade com que lhe pomos a vista em cima - apareceu aqui no meu palacete para me congratular. Metemos a conversa em dia no passeio com o Duffy. E tirámos fotografias, claro está.



Na quinta-feira estive de folga e fiz imensas coisas. O que me deixou mesmo satisfeito: fui à Vodafone, ao dentista entregar uns papelotes, ao banco, à QNE almoçar, passei por casa da Aida para ver a mãe e vim para casa tratar de um série de pequenas coisas, incluindo aqui o estaminé, ainda tirei umas fotos e arrumei umas coisas.
É bom vegetar, mas é bom sentirmos que fizemos tudo a que nos propusemos!

Bem, lá fui à QNE... Onde é rambóia a toda a hora. Embora sinta que os tempos são definitivamente outros...







Mas a foto premiada desta visita foi mesmo esta:



Apanhada em flagrante!

Aproveitei também para tirar umas fotos. Aos produtos que adquiri na FNAC graças ao prémio lá do trabalho...

O primeiro foi a Caderneta de Cromos. Que entretanto já li e que está aqui à espera que lhe cole os ditos cromos.



Confesso que nunca ouvi as crónicas na rádio e que nem sou grande fan do Markl, mas foi muito giro mergulhar na nostalgia dos tempos de meninice e que aprendi umas quantas coisas interessantes. Viva os Fá, a Bom Bokas e o Dartacão!

Também comprei o último cd dos Deolinda. Muito calminho. Muito bom, como só poderia ser.
E a minha música preferida é Passou por mim e sorriu.



Agora só falta que a Ana mo autografe! Com o seu Bacalhau!

Como tem chovido a bom chover, o Duffy tem que ser seco quando chega a casa. Até porque ele é mesmo rasteirinho ao chão. Mas o gajo, divertido que é, pôs-se de tal maneira na toalha que parecia mas é que estava na praia!



Já na sexta-feira, mais uma chuvada do caraças. Mas isso não me impediu de me juntar a um repasto lá do trabalho...











Resumindo e concluindo, cheguei a casa com os pés molhados.

Ontem, sábado, fui trabalhar. Sim, que o mundo não pára. Houve acontecimentos, mas também houve falta deles, para algumas pessoas.








Mas a minha vida não terminou depois do trabalho! É que dali ainda fui a um lanchinho em casa da Inês! E fui o primeiro a chegar e tudo!

E topem-me bem o luxo à nossa espera:



Falámos, rimos, trocámos histórias e suspirámos de alívio por, finalmente, podermos ter este lanache que parecia que nunca iria acontecer!




Vim para casa e aqui estou. Mas não tarda vou saír, que tenho outro evento!

4 comentários:

La Sousa! disse...

Oh, pá! Gostei :-)

Astrid disse...

Passando por aqui para dar os parabéns (oh, atrasados) mas de coração. Bjnhos, luz, paz e muita felicidade!

ψ Psimento ψ disse...

Dias agitados como sempre. O Duffy é uma versão preta da minha Laika eheh. Adoro a tua amiga a tentar esconder o cigarra foi meio “fail” ehehhe. Um abraço.

Pulha Garcia disse...

Parabéns, Angelo.

Be all that you can be.