sábado, março 11, 2006

Pelos caminhos de Portugal vi tanta coisa linda... LA LA LA



Como diria a minha amiga Grace, resumindo e concluindo foi optimo. Foi optimo ter visto papai, mamae, vovos, caozinho, amigos, amigas, Lisboa. E foi optimo ter comido tanta comidinha boa! So lamento nao ter visto umas quantas pessoas, mas tambem ha solucao para isso: podem sempre ca vir visitar-me! Que tal? E mesmo que isso nao aconteca, eu vou voltar. Mas - e para aqueles que nao sabem - vou ficar mais um ano, ou seja, ate Agosto de 2007 e quem sabe se nao ficarei um outro ano depois desse. Se estou a gostar, porque nao!?

Num pequeno aparte, preciso de dizer que o jet lag e mesmo lixado. Foi-o para la, mas aqui ainda esta a ser pior... Hoje, por exemplo, acordei as 02.41 e so consegui dormir depois das 06.00. Nao ha condicoes!

Mas vamos la ao que interessa. Eu tinha dito ao pessoal todo para ir ter comigo ao aeroporto. Nem toda a gente pode ir, mas quem la estava fez a festa toda e eu amei! EH EH! As fotografias falam por si! Arigato gozaimasu!

Depois as minhas amigas Xanocha, Mari e Margarida Garimpo foram levar-me a casa onde, sem saberem, estavam os meus pais a minha espera! Toquei a campainha, mas levaram um pouco para abrir, porque nao esperavam visitas. A minha mae abriu a porta da rua e eu entrei logo a correr pelas escadas acima. E depois la abriu a porta de casa e perguntou quem era ao que eu respondi "sou eu". Comecou logo a gritar "e o Angelo", a boa maneira da Maria Jaquina! La me abracou e beijou e apertou, com o Putshie a saltar junto de nos! E o meu pai estava, qual velho, no corredor, com o meu robe (uma pessoa nao pode sair de casa!) a minha espera! E nao e que o Putshie so reclamava cada vez que eu lhe fazia festas durante os primeiros dias, como que a dizer "quer-se dizer, bazas durante nao sei quanto tempo e quando chegas pensas que eu 'tou aqui de perna aberta a tua espera"!?
E depois disto ainda fui visitar a Miquelina, depois de lhe ligarmos a dizer que estava em Portugal. Afinal, nao queria ficar com uma avo a menos! La fomos e ela so me perguntou "mas como e que foste fazer isto assim? Nao confias na tua avo? Nao podes fazer isto, que me pode dar uma coisa!". Mas isso agora nao interessa nada!

No dia seguinte, fui logo a QNE. Com muita pena minha, o meu Pipinho nao estava la e nem o pude ver enquanto estive em Portugal. Mas tambem ja tive oportunidade de lhe dizer quao dificil foi para mim nao o poder abracar. Seja como for, fiquei felicissimo em encontrar o pessoal da Amelia Rey Colaco. E a minha Gina nem queria acreditar que era mesmo eu (por momentos ate pensei que a maquineta lhe fosse dar uns quantos choques). Ja para nao falar no pulo que a minha Grace deu para o meu colo ou o abraco apertado da Mary Joseph. Sim, que so a Chefa e a Pauleta sabiam da minha visita!

Ah, e nao posso deixar de me lembrar de quando a Marta me dizia - aquando do encontro com o Topi - "para com isso", referrindo-se as pequenas venias que fazia. Involuntariamente. Estarei a tornar-me japones?

Mas fotos da QNE, so aquando da segunda visita, incluindo fotografias da ginastica laboral que agora la tem! Acho finissimo!

Nessa mesma noite, tive a oportunidade de ir, pela primeira vez, a uma casa de fados no Bairro Alto. Foi muito giro e ate vi, pela primeira vez, uma tipa que mora na rua da minha avo a actuar! Fiquei agradavelmente surpreendido.
A minha (agradabilissima) companhia nessa noite era a linda Patricia, o simpatico Dirceu (ainda me has-de explicar onde foste buscar este nome) e um amigo polaco de cujo nome me esqueci, mas tambem ja nao vou para novo!
Um optimo serao!

No Sabado fui almocar com a Sonia e a Rita. E fomos a um restaurante chines. Porque? Ja me andava a apetecer comer daquelas gambas com alho na chapa que so fazem, tanto quanto sei, ali. E la fomos nos. E ate vi a Sonia a experimentar os pauzinhos pela primeira vez! A tarde so foi estragada pela chuva e por uma dor de cabeca imensa que tive. Mas ja la vai! E ainda assim, andamos um pouco ali pela Baixa e a Sonia Cristina deu-me boleia no metro.

Ja no Domingo fomos visitar a minha avo Ivone que esta, para dizer o minimo, com um optimo aspecto na sua nova casinha! Gostei muito de a ver e so lamento nao haver daqueles suspiros que eu adoro... Fica para a proxima!
E a menina que esta connosco em algumas das fotos, e a Nuria que e filha da Carla que foi nossa vizinha na Reboleira. Conseguiram seguir o raciocinio? E uma menina linda, mas naquele fim de semana estava (quase) impossivel da aturar!
Nessa mesma tarde tive uma visita das minhas amiugas Mari e Te, que se envolveram em cenas lesbianas na minha propria cama, como prova a foto. O Manel e que deve gostar da ideia! E depois fomos comer uns pasteis de Belem ao sitio onde se comem pasteis de Belem. Coisa mai' boa!
Ah, e adivinhem quem foi a conduzir o carro da Mari ate Belem!? Pois bem, moi meme. Mas eu ja nem sabia onde eram os pedais! Seja como for, e tirando as mil e uma vezes que deixei o carro (a gasoleo) ir a baixo, nao matei ninguem!

Depois de ter passado duas horas nas Financas da Amadora (e mal eu sabia que essa era a primeira de tres visitas as financas!), fui ao centro de dia onde a Miquelina almoca e lancha, para a poder visitar e cumprimentar as suas amigas. Umas queridas, muito embora algumas delas falem demais... Ate um dia, claro esta!

Depois do Carnaval, dia em que fui ate ao cemiterio, porque fez um ano que o Norberto morreu, fui a FLUL. Eu nem cheguei muito tarde, mas a minha tia Zu chegou super atrasada para a reuniao que tinha,o que foi bom, porque acabou por ir almocar com o menino. E la reencontrei uma serie de pessoal que nao via para ai desde a ultima vez! Incluindo, claro esta, a minha Maria Jose!

E como a minha vida social nao podia parar, ainda fui ter com o Miguel ao Saldanha e depois fui ter com a Xanocha e a entrepreuneuse (sera assim?) Rebekka Teresa. E que belas fotos junto a estacao de metro das Telheiras!

Ja na quinta-feira, tive oportunidade de beber um garoto (o que, nos tempos de correm, nao e la muito bom) com o meu amigo Daniel, para logo depois levar mamae e papai a jantar ao Alfaia, onde servem as melhores lulas grelhadas do mundo. Acho que a minha mae ainda se esta a babar!

A fotografia da Miquelina naquela figura merece um cometario: como sabem, eu nao sou normal, mas a Miquelina tambem nao me fica atras e por isso lhe tirei tao bela fotografia!

Ja no fim de semana antes da minha partida naquela estrada onde um dia cheguei a sorrir, fui ter com o Joao e depois fomos ate a casa da Aida. Nao vou comentar o cabelo dela, porque nem e preciso, uma vez que as fotografias falam por si, mas tenho que dizer que o meu sobrinho Daniel esta lindo! E tal e qual o tio Angelo. Loiro e tudo!

No Sabado a noite, tive o prazer de encontrar uns quantos amigos nos Armazens do Chiado, onde o enigma da colocacao das mesas podera nunca ser compreendido. Seja como for, foi optimo estar ali com o pessoal em amena cavaqueira e ate tive o prazer de comer uma pita! E que boa que estava! Pita shoarma, entenda-se!

Last but not the least, fomos ate casa dos meus tios, onde me aguardavam quantidades gigantescas daquele arroz doce maravilhoso da minha tia, do qual tive o prazer de trazer um pouco e dar a provar ao pessoal do Yukishige. Ficaram, como so poderia deixar de ser, maravilhados!

E assim, foi o meu passeio por Lisboa. Ainda fui as comprinhas com o meu amigo Rui e encontrei, no hotel onde ele trabalha, um gajo que ja nao via ha imenso tempo, com nome de gelado: Magnom.

Sera que me esqueci de alguem? De alguma coisa?


3 comentários:

Xanoxa disse...

Meu querido: phodes não ir já para novo, mas olha que de cabecinha estás fantástico!! Que precisão na narrativa dos acontecimentos!! E as fotos estão fantásticas!!... as tuas avós são lindas!! Ainda bem que gostaste de cá estar...

Beijoca

Mari disse...

KIkinho, tá tudo lindo, lindo, lindo, opa eu até me se me veio (salvo seja) assim uma lagriminha ao canto do olho por ver isto tudo e a pensar k tão cedo não há nada pra ninguém....mas enfim, o k interessa é k tenhas uma vida fantástica aí pelas terras do "V"...LOLOL

beijo enoooooooooorme!!!!!!!!!!!
da tua Mari

Faneca disse...

BUAAA..snif snif que isto assim não dá.. n há mesmo quaisquer condições..é munta emoçao junta.. foi tudo tão rápido.. e uma pessoa até já tem saudades..mas pronto..olha melhor umas horitas que nada, né amore? Como diz aqui a Mari o q importa é qe sejas muito feliz aí e te divirtas muito, e mai nada! JInhosssssss..